Todos os anos surgem muitos rumores sobre uma possível sequência de Cartas na Mesa. Ora Matt Damon diz que adoraria participar do filme; ora Edward Norton fala que já fechou com os produtores; ora a Miramax afirma que o filme já está em fase de produção. E essas notícias são recebidas, sempre, com entusiasmo pelos amantes do póquer.

Além do elenco de primeira linha (Além de Damon e Norton, há ainda John Malkovich e John Tuturro), em 1998 Cartas na Mesa retratou com fidelidade e elegância a cena do póquer nova-iorquina. Além disso, ajudou a disseminar o Texas Hold’em, hoje a modalidade mais popular do jogo. Antes, disputava-se mais o póquer fechado ou o 5 card stud (conhecido como “Stick” no Brasil) do que o Hold’em.

Mas Cartas na Mesa não é o único filme de póquer cultuado. Há outras jóias como The Cinccinati Kid (em que Steve McQueen interpreta um jogador obcecado pela fama) e Maverick (com Mel Gibson num papel memorável). Confira abaixo alguns dos melhores filmes de póquer da história de Hollywood – repletos de suspense, cowboys durões, anti-heróis degenerados e muita ficha no pano.

Stuey (2003)

O filme é baseado na história real de Stu Ungar, considerado o maior jogador de pôquer de todos os tempos. Apesar de talentosíssimo, Ungar tinha um fraco pelas drogas, que acabariam o matando em 1998, então aos 45 anos. No ano anterior, ele fora tricampeão da World Series of Poker (WSOP), o mais prestigioso campeonato do mundo. Seu recorde nunca foi igualado.

A Big Hand for the Little Lady (1966)

Settlers Meredith, interpretado por Henry Fonda, se envolve num jogo caríssimo de pôquer. Durante o maior pote da sessão, ele passa mal — e pede à sua mulher, Mary, para continuar na jogada por ele. Acontece que Mary não sabe jogar pôquer e não tem dinheiro suficiente para cobrir o repique de um jogador. O final desta comédia, passada no faroeste, é surpreendente.

The Cincinatti Kid (1965)

Steve McQueen neste filme é Eric “The Cincinatti Kid” Stoner, que vai para a Nova Orleans dos anos 30 para provar a todos — e a si mesmo — que é o melhor jogador de pôquer do pedaço. Para isso, porém, ele terá que derrotar o invicto Lancey Howard (Edward G. Robinson) numa mesa de 5 card stud.

Estes sao apenas alguns dos exemplos que a indústria dos cinema criou onde o cenário de casinos surge como base mas existem vários. Mais recentemente o filme Runner Runner com Ben Affleck e Justin Timberlake tem como base os casinos online e mais concretamente o póker online. Isto porque, atualmente os jogos de casino online em sites como http://www.casinoonline.pt/roleta, por exemplo, sao cada vez mais e disponibilizam todos os tipos de jogos de casino online.

Isto tem crescido de tal forma que os produtores de cinema nao quiseram ignorar esse fato e apostaram também em criar um enredo com este cenário de base. Por tudo isto, podemos esperar ver mais filmes sobre esta temática em breve até porque filmes que tem casinos por base acabam por ter sempre um sucesso generalizado junto dos espetadores.